quarta-feira, 30 de março de 2011

ATENÇÃO

Queridos alunos,

Estou observando duas coisas que têm me preocupado ultimamente:

1. Irregularidade na assiduidade (frequência) por parte de alguns alunos (isso pode trazer futuramente consequências danosas);
2. Perguntas fora de contexto que têm desviado o fio condutor da argumentação em cada aula.

Quanto ao primeiro ponto, cabe fazer uma auto-crítica a respeito. E lembrar que a infrequência prejudica irreversivelmente a compreensão do conteúdo de uma aula, pois a aula seguinte pressupõe as explicações da anterior. Isso é extremamente delicado e merece atenção.

Quanto ao segundo ponto, fica combinado entre todos que, a partir de agora, irão proceder da seguinte forma, por favor: Anotar suas questões (para não esquecer) e colocá-las no espaço de tempo reservado no final da aula somente para as dúvidas. Vamos combinar que na hora da aula expositiva serão imediatamente respondidas somente questões que têm diretamente a ver com o que está sendo exposto, ok?

Sempre estarei disponível, antes ou depois da aula, para debater e/ou esclarecer temas e questões que fogem do curso direto das explanações em nosso horário de aula.

E lembremos também que as perguntas que têm diretamente a ver com o tema exposto na aula ajudam inclusive aos demais colegas. Mas lembremos também que certas perguntas podem (poderiam) ser evitadas com uma breve leitura prévia do material didático e um estudo mais sistemático das aulas passadas. Isso é absolutamente indispensável para não se perguntar algo que acaba de ser esclarecido pelo professor. Evitar esse tipo de pergunta redundante é ganho de tempo e enriquecimento da aula expositiva.

Gostaria seriamente que meditassem e ponderassem estas questões.

Conto com a colaboração de todos e continuemos nosso excelente trabalho.

Abs.,
Frederico

6 comentários:

jacqueline disse...

thBoa Noite!
Concordo plenamente contigo, mas nem sempre nos falta interesse as vezes é cansaço, outrora falta atenção e acabamos perdendo o foco.
Queremos entender, mas nem tudo que queremos fazer, fazemos.
Sua aula é um maximo,porem me perco em tuas palavras, devido a rapidez de sua pronuncia.
Me esforço assim mesmo, pois sei tudo no começo agarra um pouco. A gente chega lá.

Jacqueline

Bianca disse...

Boa Noite!
Fred concordo contigo,pois a turma é boa mas precisa ficar ligada.
gostaria de te parabenizar por suas aulas,pois são as que mais gosto e entendo o conteúdo claramente.
abraços...
JESSICA ALENCAR S2

humanidades disse...

Querida Jéssica, querida Jacqueline, obrigado pelas palavras. Eu adoro lecionar para vocês. A turma realmente é excelente e interessada, além de serem pessoas fantásticas e adoráveis, de fato, como já tive oportunidade de expressar mais de uma vez. O cansaço é mais que natural. Todos trabalham durante o dia, e alguns o dia inteiro. Levo isso em consideração (seria cruel não fazê-lo). Estou preocupado apenas com as ausências de alguns alunos, pois toda sexta existe um considerável desfalque. E, Jéssica, promete que sempre que eu estiver falando rápido você me pedirá para reduzir o ritmo? Quero me fazer entender a todos, sempre. E continuemos o trabalho. Todo início, dizia Marx, é difícil. Em qualquer empreitada nessa vida. Bom é colher os frutos.
Abs.,
Frederico

cleonice disse...

Professor em todas as aulas saímos mais cedo, para não perder o transporte, A Filosofia é a aula que mais interessa a todos, que nos mantém mais tempo na sala, exige muito raciocínio, empenho para o entendimento e as vezes distraímos no nosso conhecimento (senso comum). HELP.

jacqueline disse...

Olá!
Concerteza promete toda vez que o Sr.estiver falando rápido, pedirei para repetir, isso claro, se eu não entender.
Afinal sei que vai ter prazer em exclarecer.... hehehe

Abs...
Jacqueline

Márcio disse...

Concordo com as duas colocações, a questão de freqüência tem sido dita por todos os professores, não só em Filosofia e Ética, o Geraldo tem comentado bastante sobre isso.

Na questão das perguntas, concordo e ainda acho que vale a pena frisar que é uma coisa que atrapalha não só a aquele aluno específico, mas sim toda a turma.

Acho ótimo colocar essas questões em debate de forma tão clara.
Boa tarde e até a noite.