sexta-feira, 11 de março de 2011

Divisão didática do texto de Johannes Hessen em 4 partes principais

PARTE 1 (DEFINIÇÕES INICIAIS)
Lâminas 1 a 5 dos slides
1. Hessen define valor e mostra que as definições 1 e 2, embora defendidas por alguns pensadores, são insuficientes porque não nos dizem acerca da essência do valor, mas apenas de seus efeitos.
  1. Definição 1: valor como vivência (psicologismo);
  2. Definição 2: Valor como qualidade dos objetos (naturalismo);
  3. Tanto em 1 quanto em 2 as definições dizem apenas que os valores produzem o efeito de criar ou emoção no sujeito (1) – aspecto passivo da vida dos valores - ou satisfazer suas necessidades vitais e espirituais (2) – aspecto ativo da vida dos valores = atribuir valor aos objetos. 
 
PARTE 2 (ESSÊNCIA DOS VALORES)
Lâminas 6 a 17 dos slides
2. Para chegar à essência (definição 3) dos valores, distingue “juízos de existência” de “juízos de valor” (o que demanda a distinção metafísica “ser e valor”). Lâminas 6 a 11 dos slides
  1. Juízos de existência versam sobre o “ser” dos objetos, e os de valor sobre seu “valer”;
  2. É evidente que se os valores fizessem parte da essência dos objetos, não seria possível distinguir juízos de valor e juízos de existência, o que é absurdo.
  3. As ciências axiológicas (disciplinas filosóficas – ética, estética e filosofia da religião) procuram saber se os valores são positivos ou negativos, julgam e apreciam seus objetos e investigam qual grau que os valores atingiram em sua realização. São intencionalmente valorativas.
3. Mostra que os valores dependem do sujeito humano (espírito humano), sujeito valorador, e que os valores não possuem ser independente do homem (Lâmina 12 dos slides)
  1. Os valores dependem do homem como ser social (não entender aqui o indivíduo isolado, que é uma ficção)
4. Classifica os valores como objetos ideias e mostra que na sua definição essencial os valores possuem SER, mas não existência; (Lâminas 13 a 15 e 17)
  1. Exemplo de objetos ideias: Objetos lógicos e matemáticos. Pense nos conceitos de figuras geométricas. Conceito de círculo (altamente objetivo, não individual, possui ser, mas não existência)
PARTE 3 (VALOR E REALIDADE) (Realização dos valores)
Lâminas 20 a 23 dos slides
5. Agora mostra que os valores assim definidos podem ganhar existência através da ação humana; (Lâminas 20 a 22)
  1. A realização dos valores é, como o nome diz, torná-los realidade, fazê-los ganhar existência: O quadro belo pintado pelo artista, a justiça realizada pelo agente moral, a santidade praticada pelo religioso etc..
6. Enfatiza que os valores são criados pelo espírito humano (atendem a necessidades humanas) e não são propriedade inerentes à natureza, aos objetos; (Lâmina 23)
  1. Embora só ganhem realidade ou existência através do ser, o valor não é uma propriedade intrínseca ao ser, mas um ato humano.
  2. O brilho, a durabilidade e ductibilidade da prata são atributos existenciais deste metal, embora possam tornar-se valor quando usados nas moedas cunhadas, na prataria (utensílios de mesa), nas jóias. Mas isso, mais uma vez dito, depende do uso que dele faz o homem. Prataria, jóias e moedas são objetos sociais.
  3. Entender os valores como propriedade inerentes ao ser pode levar a absurdos que o pensamento contemporâneo rejeita, tais como: Pensar que o ser existe para realizar os fins: Beleza e Bondade. Mas isso é confundir valor e ser, o que contemporaneamente não se faz. 
PARTE 4 (ARGUMENTOS SOBRE A DIFERENÇA SER E VALOR)
Lâminas 24 a 27 dos slides
7. Conclui com 3 argumentos que reforçam a diferença entre existência e valor.
  1. Argumento 1: Os valores são imutáveis e permanentes, os objetos não.
  2. Argumento 2: Os valores possuem polaridade, o ser não. (valor e desvalor = o desvalor não destrói os valores, não os eliminam)
  3. Argumento 3: Os valores possuem estrutura hierárquica, admitem graus, o ser não admite. (graus da pureza, da justiça etc..)

2 comentários:

Erika disse...

Olás Prof. Tudo bem? Eu gostaria de saber a matéria que ira cair na prova de sexta-feira, dia 18/03/11. Irá cai so os slaides e os textos das aulas 1, ou vai cair das aulas 2 também, que seria valores não é isso!? Aquardo uma resposta! Qualquer coisa o meu e-mail é: erikagatinha_8@hotmail.com.
Grata.
Erika Fialho.

humanidades disse...

Oi Erika,

Na verdade faremos a avaliação na quarta-feira, dia 23 de março, e o conteúdo será toda a aula 1 e os dois primeiros conceitos de valor que vimos em Hessen.

Abs.,
Frederico